Blocos Afros

Conheça um pouco sobre a história dos blocos afros, ouro do nosso Carnaval.


Retratos da Folia: Mário Sérgio

O fotógrafo registra os blocos afros

Mantos Sagrados -estampa

A música auxilia na arte, na definição da estampa. Tudo é arte, está interligado.

Mantos Sagrados – J Cunha

A construção da identidade afro do Ilê Aiyê e dos blocos afros da Bahia

Reciclagem

O bloco é o mesmo mas, a cada ano, o olhar é outro. É arte e fantasia.

Filhos de Gandhy

Oh, meu pai do céu, na terra é carnaval
(…) Manda descer pra ver, Filhos de Gandhi

Afro Bankoma

Arte e educação são a raiz do Bankoma. Todas as atividades são realizadas no Terreiro São Jorge Filho da Goméia.

A estética de Pitta

Alberto Pitta é da Liberdade. É cultura e arte.

Mameto Lúcia, mãe de todos

A vida e história desta mulher que defende que o carnaval afro é divertimento aliado aos ensinamentos do Candomblé.